Receba novos textos no seu e-mail, gratuitamente



Protetor solar em spray funciona realmente?

Todo mundo já ouviu falar que usar o protetor solar é imprescindível para evitar danos à pele, doenças (como o câncer de pele) e sinais de envelhecimento precoce.

A indústria de cosméticos aprimorou muito as fórmulas de protetores solares nos últimos anos. Há protetores para todos os tipos de pele (considerando a oleosidade), com cor, com várias texturas e formas de aplicação.

O protetor solar em spray foi uma inovação em termos de produtos de beleza. E, a sua grande vantagem é a praticidade na aplicação.

Um dos primeiros nessa categoria que vendido no Brasil foi o protetor solar em spray da Neutrogena.

Mas, será que esses produtos realmente funciona? Os protetores spray são eficazes?

Todos esses produtos para serem vendidos precisam passar pela aprovação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) no Brasil. Todos os protetores solares permitidos no Brasil são de uso tópico.

Para a sua segurança, é sempre indicado ler o rótulo do produto. Todo fabricante traz instruções precisas sobre a forma de usar.

Protetor solar em spray

Protetor solar em spray | Crédito: Shutterstock

Muitos especialistas afirmam que o protetor solar em spray fornece proteção segura, quando aplicado corretamente. O grande problema é que muitas pessoas não aplicam esse produto da forma que alcance todas as áreas do corpo. Geralmente, apenas uma névoa do jato com as gotículas tocam algumas partes do corpo, não cobrindo toda a extensão. É preciso também aplicar a quantidade suficiente para proteger.

Sem falar que muita gente acha que esse tipo de protetor solar possui proteção “vitalícia” e não faz a reaplicação, como geralmente o fabricante recomenda. É preciso renovar a aplicação de todo tipo de protetor solar.

Por isso, os protetores solares em spray podem não funcionar tão bem, de acordo com alguns especialistas.

Muitos dermatologistas sugerem que é preciso aplica-lo, até que a região esteja molhada e, em seguida, espalha-lo, esfregando o produto suavemente. Sem falar que é preciso aplicar entre 15-30 minutos antes de se expor ao sol. E não se esqueça de passar o protetor solar antes da maquiagem.

Mesmo assim, muitos consumidores creem que o protetor solar em spray não possui uma proteção tão eficaz como outros tipos existentes no mercado. Mas, será que esses consumidores souberam aplicar? Fizeram a reaplicação recomendada para todo protetor? Ou, então, será que o tempo de reaplicação desse tipo de protetor é menor?

Muitos estudiosos sobre a temática acreditam que o tema “proteção solar em spray” necessita de pesquisas científicas mais detalhadas que apontem a relação entre a pulverização do protetor e a segurança da proteção solar, para averiguar de forma mais precisa a sua eficácia.

A priori, vale confiar na liberação dos cosméticos feitos pela Anvisa.

Mais beleza: Dicas sobre proteção solar

E você já usou protetor solar em spray? O que pensa sobre a eficácia desse cosmético? Participe dessa discussão! Deixe a sua opinião nos comentários.





Ainda não encontrou? Procure agora!

Uma resposta para “Protetor solar em spray funciona realmente?”

  1. 1
    Compra nos EUA: protetor solar em spray Ulta oil free disse:

    […] protetor solar em spray está tomando conta das prateleiras das lojas de […]

Gostou? Diga! Dê a sua opinião

 
Receba os artigos em seu e-mail!
Cadastre-se gratuitamente para receber!