Os vampiros estão fazendo sucesso nas telinhas! Eles nunca estiveram tanto em voga como agora. São séries, filmes e livros que abordam o universo vampiresco. Os vampiros aparecem em outras (re)leituras e continuam conquistando os mais variados públicos, especialmente o público jovem! Se o filme Crepúsculo é tudo o que você conhece de filmes sobre vampiros, atualize-se e amplie sua visão! Todos os aficionados com histórias de vampiros precisam assistir essas raridades! Ótimo para um cine pipoca de clássicos!

Veja a “Lista de Filmes Clássicos de Vampiros”:

1 – Nosferatu (1922, Alemanha), direção de F. W. Murnau. Esse filme é mudo, em preto e branco. Não é preciso nem palavras! Se você gosta de filmes sobre vampiros não pode deixar de ver esse! Considerado o primeiro filme de vampiros e foi baseado no livro de Bram Stoker (Drácula). Um clássico do expressionismo alemão. Uma raridade!

2 – Drácula (1931, EUA), direção de Tod Browning. Esse filme se tornou um clássico do horror. A famosa história do Conde Drácula da Transilvânia interpretada pelo húngaro Bela Lugosi que compensa todo o filme.

3 – O Vampiro da Noite (1958, Inglaterra), com direção de Terence Fisher. Um clássico a cores. Pode-se dizer que Christopher Lee é o primeiro ator que dá uma interpretação elegante e sensual ao Drácula. Para quem gosta (além de vampiros) do clássico ar sombrio e frio presente em filmes de terros, essa aqui é uma ótima escolha. Esse aqui se enquadra em um clássico cult, de terror e de vampiro! Há quem diga que é o melhor filme de Fisher. Sem sombra de dúvidas: para a coleção!

4 – Rosas de Sangue (1960, França), direção de Roger Vadim. Baseia-se no conto de Sheridan Le Fanu e procura explorar o elemento sexual do vampirismo por meio da figura da mulher e do lesbianismo. O diretor privilegia os elementos estéticos em detrimento da trama. Há quem diga que Vadim tem uma concepção moderna e requintada de cinema ao privilegiar o belo.

5 – A Dança dos Vampiros (1967, EUA), direção de Roman Polanski. Uma das curiosidades desse filme é ter Polanski também atuando como ator. O filme é uma mescla de trama policial e comédia. Tem-se aqui uma fórmula inovadora para tratar sobre o universo vampiresco. O elenco é bárbaro!

6 – Nosferatu no Brasil (1971, Brasil), direção de Ivan Cardoso. O Brasil também tem filme de vampiro! Filme produzido em super-8, mostra o famoso vampiro – Nosferatu – com seu ar assustador pelas ruas do Rio de Janeiro.

7 – Rock Horror Picture Show (1975, EUA), direção de Jim Sharmam. Uma comédia musical de horror, em que o Drácula é um homossexual. O filme é audacioso, engraçado e criativo. Uma peróla do horror. Nosferatu, o Vampiro da Noite (1979, EUA), direção de Werner Herzog. Remake do clássico de Murnau, também baseado no clássico de Bram Stoker. Para os colecionadores do vampiresco! A direção é Werner é maravilhosa.

8 – Fome de Viver (1983, EUA), direção de Tony Scott. O elenco é de peso: Catherine Deneuve, David Bowie e Susan Sarandon. Só para você ter uma idéia do que lhe espera. Imagine! Esse é um “cult” de vampiros que mescla suspense e sensualidade. O vampirismo é renovado nesse filme. O filme é elegante, ousado e inesquecível.

9 – Drácula, de Bram Stoker (1992, EUA), direção de Francis Ford Coppola. Precisa falar mais alguma coisa? Coppola é sensacional. O filme possui também caráter romântico e volta ao original de Bram Stoker de forma refinada. A fotografia do filme é uma verdadeira obra de arte. Não é à toa que o filme ganhou três Oscars (efeitos sonoros, melhor figurino e melhor maquiagem) e indicado na categoria melhor direção de arte. O filme compensa por tudo, especialmente pelo elenco: Gary Oldman, Winona Ryder, Anthony Hopkins e Keany Reeves.

10 – Entrevista com o Vampiro (1994, EUA), direção de Neil Jordan. Baseado no livro de Anne Rice que também adaptou o roteiro para as telas. Os atores Brad Pitt, Christian Slater, Tom Cruise e Kirsten Dunst estrelam o longa que foi um sucesso de bilheteria. O filme não possui o requinte artístico de outros clássicos, mas encanta e com certeza pode ser considerado um clássico mais contemporâneo.

11 – A Sombra do Vampiro (2000, EUA, Luxemburgo), direção de E. Elias Meckige. Esse filme reserva uma curiosidade: o ator Nicolas Cage ajudou a produzir esse filme. A proposta do filme é a seguinte: mostrar a produção dos bastidores de Nosferatu e criar um filme o mais realista possível. A meu ver, esse não é tão estupendo como outros clássicos, mas vale pela atuação de John Malkovich e Willem Dafoe.

Um comentário para “Filmes clássicos de vampiros”

  1. Ana

    Adorei as dicas vou asistir com sertesa os filmes! 1

    Responder

Trackbacks/Pingbacks

  1.  História e Origem do Vampiro

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)