Todo mundo adora férias! E o favorito de qualquer férias é viajar!

Uma viagem pode fazer você gastar muito dinheiro. Nem todo mundo possui orçamento “infinito” para gastar sem se preocupar.

Com um bom controle, mentalidade financeira e planejamento de viagem, é possível tornar uma viagem mais econômica. Isso não quer dizer ser estúpido e desistir de experiências incríveis de viagem!

É preciso aprender a gerenciar o dinheiro da viagem, desde o planejamento. É possível fazer uma viagem mais econômica e inesquecível. Nada melhor que respeitar o seu próprio orçamento e, ainda, viajar.

O post de hoje traz 10 dicas para uma viagem mais econômica.

Dicas para viagem econômica

1. Escolha um destino menos badalado. A cada ano, determinados destinos turísticos passam a ter mais influência para receber muitos turistas. São aqueles destinos de grande interesse e obsessão no setor do turismo. Viajar para os “destinos da moda” é mais caro – no Brasil ou no exterior.

2. Baixa temporada é sempre melhor. Viajar fora dos períodos de maior demanda é sempre mais vantajoso, seja para viagens no Brasil ou no exterior. É possível encontrar passagens aéreas mais baratas, hospedagem mais baratos. Não apenas economiza dinheiro, como, geralmente a qualidade dos serviços é melhor.

3. Troque o hotel por outro tipo de hospedagem. Considere hospedar-se em pousada, hostel ou, até mesmo, alugar apartamento via Airbnb. São alternativas interessantes, especialmente, para aquelas pessoas que gostam de explorar muito o destino turístico. E o conforto é praticamente o mesmo.

4. Planeje com antecedência. Essa é o ponto central para um bom gerenciamento financeiro da viagem. Você terá tempo para fazer as cotações, pesquisar, negociar com calma. Também, consegue visualizar um conjunto mais amplo de opções para a sua viagem. E, ainda, estima melhor os custos da viagem para controlar melhor os gastos.

5. Evite táxi, transfer. Geralmente, esses são meios de locomoção mais caros. Para quem quer economizar, vale usar transporte coletivo, andar a pé. Para determinados destinos, como os Estados Unidos por exemplo, alugar um carro pode ter um custo x benefício interessante. É preciso conhecer o destino e como isso funciona em cada local. Investigue!

6. Evite restaurantes turísticos. Isso não quer dizer que você precisa se abdicar da comida local. As incursões gastronômicas fazem parte da experiência de viagem. Restaurantes famosos são sempre mais caros. Descubra outras possibilidades.

7. Planeje os passeios com antecedência. Museus, parques, visitas guiadas… Muitos passeios são cobrados. Selecione tudo que você quer fazer cuidadosamente. Evite gasto adicional com um passeio surpresa que você não planejou. Os museus, por exemplo, há um dia da semana que oferece entrada gratuita na maioria das cidades. E não se esqueça de pesquisar a alimentação nesses lugares!

8. Fique de olho nas taxas! Taxa de serviço de hotel, taxa de excesso de bagagem e, até mesmo, aquelas taxas obscuras que muitas empresas querem vender! O mercado de viagens é afiado e sempre quer adicionar mais taxas na sua viagem. Escolha hospedagem sem taxas. Evite excesso de bagagem e fique de olho no peso da sua mala. E, principalmente, preste atenção em tudo que é cobrado.

9. Cuidado com as compras. Isso pode representar uma enorme “fuga” de dinheiro. Não quer dizer que não pode comprar nada em viagem. Mas, é preciso apenas atentar para esse tipo de gasto. Respeite o seu orçamento sempre! Nada pior que pagar tantos gastos de viagem tanto tempo depois ou gastar mais do que tem. A viagem pode virar um pesadelo!

10. Divirta-se! É importante ter uma boa gestão financeira da viagem, mas isso não quer dizer ser avarento e não se divertir. Pergunte a si próprio: “- o que posso me dar o luxo de gastar?”.

A viagem perfeita é aquela que você gasta o que você pode e curte muito!

2 comentários para “10 dicas para uma viagem mais econômica”

  1. Levy

    É muito bom ler estas orintações são dicas que ñ se vê em qualquer lugar.

    Responder
  2. Eudes

    Obrigado pela dica

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)