Continuando a série “Jantar a Luz de Velas”. Se a decoração dá vida ao momento do jantar, o cardápio é a alma de tudo, porque envolve a estimulação de diversos sentindos: a visão, o paladar, o tato, o cheiro…  Abrange a escolha dos pratos, da bebida, da sobremesa. Nesta etapa é importante atentar para aquilo que o casal gosta de comer: massas, carnes, algo mais sofisticado, comida japonesa, entre outros. O que cada um gosta e não gosta? Na dúvida de não saber se a outra pessoa gosta de determinado prato, nem o escolha!

Cardápio para jantar a luz de velas

Outro ponto importante é pensar se é você quem vai cozinhar, o que sabe fazer, se pretende inovar no preparo. Há pessoas que adoram cozinhar e inovar na hora de montar o cardápio. E mesmo para as pessoas que não sabem ou não tem muito tempo, não pense que é impossível realizar um jantar a luz de velas. Compre comida pronta, monte ou faça receitas rápidas. O jantar romântico vai ficar totalmente fantástico! Pode-se encomendar o cardápio em algum lugar.  Comida japonesa, por exemplo… Pode ser uma idéia bacana para quem não sabe cozinhar. Há supermercados que vendem também. Ainda, há a opção de comprar massas pré-prontas que são facéis de fazer e não exigem nenhuma aptidão culinária.

Decoração e bebidas para o jantar a luz de velas

Vinhos e flores podem fazer parte de uma bela decoração do jantar romântico. (Foto: divulgação)

Preparando a comida para o jantar a luz de velas

Se você é do tipo que gosta de estar envolvida em todo o processo, inclusive o de cozinhar, pode abusar da criatividade no seu jantar a luz de velas. Deve-se levar em conta especialmente o tempo que você tem disponível para preparar tudo. Isso é um critério que pode lhe ajudar a decidir o cardápio – se tem um tempo mais curto, tem que optar por feitios de pratos mais rápidos e facéis. Se possui um tempo mais extenso, pode partir para pratos mais trabalhados e demorados. O importante é não fazer aquele tipo de comida que você nunca viu ou fez na vida! Imagine se dá errado? Quer um exemplo? Um prato do centro do Vietnã, ou uma sopa das ilhas gregas que você nunca viu na vida. Afinal de contas, se der errado pode não dar tempo de consertar e acabar com todo o seu jantar romântico. Por isso, inove mas dentro do seu conhecimento culinário.

Mesa de petiscos para jantar romântico

Se você achar divertido, pode montar uma mesa de frios, “bebericar” e ficar conversando com seu amor enquanto cozinha. Não só conversar! A pessoa para quem você está preparando o jantar, pode lhe ajudar nos preparativos. Essa experiência pode ser muito divertida!

Entrada de jantar romântico

Mesmo um pastel de entrada, mas bem servido, serve como ótimo começo de um jantar romântico. (Foto: divulgação)

Bebida para um jantar a dois

Após escolher o cardápio (entrada, prato principal, sobremesa) é o momento da escolha da bebida. A bebida deve combinar com o cardápio. Atualmente, não se utiliza muito ter entradas, prato principal entre outros. Geralmente há um prato principal com um acompanhamento que pode ser um arroz, uma massa, uma batata souté e, por fim, a sobremesa. Tudo depende da sua escolha e do tempo que tem para preparar tudo! O importante na escolha do menu é combinar todos os pratos, a bebida, a sobremesa…

Há quem diga que se existe um bom cardápio, a pessoa vai gostar e ficar na memória que tudo foi perfeito, mesmo que algo saia errado. Portanto, cuide bem do seu cardápio para o jantar a luz de velas! A escolha da comida  é essencial para o sucesso do seu jantar a luz de velas!

Você acha que termina por aqui? Nada disso! Siga para o próximo passo do jantar a luz de velas! Leia: “Jantar a Luz de Velas – Você“.

Veja os comentários (abaixo), participe!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)