A tendência é a diversidade na moda. A mulher quer ver a moda que a representa, aquela que é o mais próximo possível de sua realidade. Por isso, o universo plus size tem ganhado espaço.

A Vogue lançou a Curvy, publicação especializada para mulheres com curvas. No Brasil, a revista brasileira Beleza em Curvas caiu no gosto da mulherda. Tudo isso prova que as gordinhas gostam de ficar lindas e elegantes.

Em meio a isso tudo, uma top de peso ganha destaque: Flúvia Lacerda, um orgulho brasileiro. A modelo nasceu no Rio de Janeiro, radicou-se em Nova Iorque. Hoje é considerada uma das mais famosas na categoria plus size no exterior. Ela veste 48 e mostra que dá para ser sexy, linda e gordinha. Flúvia Lacerda compõe o casting da Ford Models EUA. É mole ou quer mais?

Top model gordinha

(Foto: Flúvia Lacerda)

Flúvia é uma gordinha assumida, uma mulher real e feliz com o próprio corpo. Nem todo mundo que é gordinho quer ser magro. Não é mesmo? O equilíbrio é estar bem consigo mesma, cuidar da saúde e se assumir.

Quem acha que para manter essas curvas é só se empanturrar de comida, está enganado! Flúvia possui uma alimentação saudável e faz exercícios físicos. Em uma reportagem para a revista Contigo, ela disse: “’Temos de malhar para nos manter durinhas. Não podemos ser flácidas e temos de ter uma aparência saudável”.

Top plus size

(Foto: Manequim)

Ao contrário de que muitos pensam, a modelo plus size não pode engordar ou emagrecer o quanto quiser. Precisa manter o peso dentro de um limite (em geral gira em torno do tamanho 42 ao 50).

Existe uma demanda plus size ávida por roupas bonitas e elegantes, mas a indústria da moda ainda não está preparada para atender esse público. Quer um exemplo? Circule em uma loja de departamento como Renner ou C&A… É uma dificuldade tremenda encontrar algo bonito e que sirva.

Top model plus size

(Foto: Flúvia Lacerda)

Pessoas como Flúvia Lacerda chegou para contribuir com a revolução da moda e mostrar que gordinhas gostam de se vestir bem, que dá para ser elegante e esbanjar sensualidade.

Quero agora ouvir você!
Como você vê a moda plus size no Brasil?
Deixe a sua opinião nos comentários.

8 comentários para “Flúvia Lacerda: top plus size de sucesso”

  1. Nanda

    Eu uso plus size, e como você mesma disse é muito dificil. Mais ao contrario, hoje encontro roupas para mim na Renner e Marisa, e digo que estão bem servidas sim.
    Sim ainda tem alguns erros roupas que parecem capas de bujão!
    Mais acho que é esse o caminho! E hoje já consigo entrar nessas duas lojas e comprar uma peça pra mim, antes era impossivel.
    Beijos

    Responder
  2. Isabel

    Eu uso plus size, e encontro peças agradáveis na Cea, na Marisa, na Rener, no Bras, tenho um olho clinico, e acho que evoluiu bastante a oferta para tamanhos grandes, porque aqueles conjuntinhos de malha que era a roupa padrão é um horror, eu tenho atividade física regular, tbém cuido do peso, do cabelo, sou vaidosa, mas acho que o mais importante é assumir seu peso e sua alma, ai tudo fica bem. E ter DISCONFIOMETRO!

    Responder
  3. Karla Etiany

    Infelizmente não é em todas as cidades que lojas de departamentos vedem tamanhos grandes principalmente acima do 46 aqui na minha cidade (Manaus)as lojas renner e mariza não vendem modelos pluz size, aqui de vez em quando encontro na riachuelo o que me obriga a comprar 2 ou 3 do mesmo modelo até lojas especializadas não tem.

    Responder
  4. Cristiane Ribeiro.

    Eu tbm uso tamanho plus size, e realmente é muito dificil achar roupas com numeração maior, pois fui um dia atras de uma bermuda na loja riachuelo e as bermudas com numero 46 eram minusculas acho que equivaliam a 40 ou 42 nem a 48 serviu e o meu manequim é 44.Fiquei muito desepicionada.Espero um dia conseguir abir minha propia loja de roupas plus size. Amo este tipo de materia.BJS.

    Responder
  5. Valéria

    Adorei! Afinal eu sou uma gordinha com muitos duvidas de como me vestir…

    Responder
  6. Marta

    Adorei porque eu me sinto tão triste qdo entro numa loja e nunca encontro nada do meu tamanho, infelismente no Brasil só o estado de São Paulo assumiu as gordinhas, porque os outros estados ainda finge não enxerga-las.

    Responder
  7. Silvio

    Quem é Gisele para concorrer com essas graciosidades?

    Responder
  8. Selma

    Prefiro, Flúvia Lacerda do que essas magrelas que aparecem na tv…horrivel a magresa.

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)